html> PRF prende 5 suspeitos de participarem de quadrilha de assalto a banco em Macapá – Correio Amapaense

PRF prende 5 suspeitos de participarem de quadrilha de assalto a banco em Macapá

Na noite desta segunda-feira (28), por volta de 23h34 no km 08 da BR-210, em Macapá, Agentes da Polícia Rodoviária Federal – PRF, prenderam 5 pessoas por suspeita de participarem de uma quadrilha de assaltantes de banco.

Durante fiscalização foi dado ordem de parada ao condutor do veículo Chevrolet/Onix 1.0mt Ls, de cor prata com placas de Macapá, com cinco ocupantes, sendo 4 homens e 1 mulher. Ao ser abordado e fiscalizado pelos Agentes PRF, os ocupantes do veículo demonstraram certo nervosismo o que despertou a atenção por parte dos policiais.

Perguntado aos mesmos de onde estariam vindo com destino a Macapá, os mesmos não souberam precisar seu local de partida, então os policiais após entrevista com todos os ocupantes do veículo começaram a fazer buscas nos sistemas de consulta da PRF e descobriram uma vasta ficha criminal dos 4 homens ocupantes do veículo. Um deles de 35 anos foi preso em janeiro de 2016, acusado de participar de uma quadrilha especializada em arrombamento de caixa eletrônica em Macapá: Outro de 33 anos tem passagem por porte ilegal de arma de fogo e já respondeu pelos crimes de furto e roubo, estelionato e falsidade ideológica; outro de 29 anos responde por furto e roubo e tentativa de homicídio, além de tráfico de drogas; e o 4º homem responde por furto e roubo, além de porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e tentativa de homicídio.

Com relação a mulher nada foi encontrado nos Sistemas, mas que deveria trabalhar como “olheira”, já que é esposa de um dos suspeitos, ou seja, a integrante responsável por fazer o estudo de campo para o planejamento dos roubos e furtos, se passando por cliente do banco para observar e levantar informações sobre a segurança das agências bancárias, como horários de funcionamento, número e posição de vigilantes, entre outros dados. Os mesmos são suspeitos de integrarem uma quadrilha especializada em furtos e roubos a banco e que estavam arquitetando efetuar roubos em Macapá.

Na busca pessoal os policiais encontraram com um deles uma pistola de calibre 380 com várias munições prontas para uso. O mesmo foi qualificado por autor de Receptação, conforme apurado, teria adquirido a Pistola cal. .380, número de série KIM34878, marca Forjas Taurus (TAURUS), produto do Boletim de Ocorrência e também por Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Os outros três, 2 homens e 1 mulher estariam em associação permanente com os demais, acusados na prática de receptação e associação criminosa. Vale ressaltar que tal grupo é conhecido no meio policial como responsável de inúmeros furtos e roubos, contra agências bancárias.

Diante das informações obtidas foram constatados, a princípio, os seguintes delitos: Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido; Receptação; Desobediência a decisão judicial sobre perda ou suspensão de direito; Cumprimento de Mandado de Prisão; e Associação Criminosa. Após os procedimentos de praxe todos foram encaminhados ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública – CIOSP, no bairro Pacoval, em Macapá.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION